Água da bomba

Era uma vez, um homem perdido no deserto, preste a morrer de sede. De repente, ele encontrou uma velha cabana abandonada e com dificuldade se acomodou em sua pequena sombra.
Passados alguns minutos, viu uma velha bomba d´água, bem enferrujada, a poucos metros de distancia. Ele se arrastou até lá, começou a bombear, mas nada aconteceu. 

Então o homem notou ao lado uma velha garrafa cheia d´água, com uma mensagem que dizia: “Você precisa preparar a bomba colocando nela toda a água desta garrafa.
Por favor, encha novamente a garrafa antes de partir.” Ele se viu num dilema. Despejar a água na velha bomba ou beber a água e desprezar a mensagem? Com relutância, ele despejou toda a água da garrafa na bomba.

 Começou a bombear e de repente um fio de água apareceu depois um pequeno fluxo e finalmente uma água fresca e cristalina jorrou com abundância. Ele bebeu da água ansiosamente.

 Em seguida, voltou a encher a garrafa para o próximo viajante e acrescentou uma pequena nota na mensagem original: “Creia, funciona”! “Você precisa dar toda a água, antes de poder bebê-la de volta em abundância”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Eu sou o que sou

Nossa energia

O voo do rato